Site de Poesias

Menu

10 lições em 26 primaveras

1 - Que Deus existe e tem um nome: Jeová, que significa “Aquele que causa o que chega a ser”, ou seja, ele faz com que tudo seja possível através do seu amor, sabedoria, justiça e poder. 
Com o amor dele não preciso de mais nada, é suficiente para me sentir valorizada, e abunda tanto que posso distribuir amor a outras pessoas também, ainda que não o tivesse recebido de outro ser humano.
2 - Que justamente por isso, minha felicidade depende apenas de mim mesma.
E esta baseada nos meus valores reais, então o segredo para me manter feliz é não abrir mão de nenhum deles. Mantendo minha dignidade, caráter, bondade e fé, serei sempre feliz sem importar as circunstancias. 
3 - Que há logica no conservadorismo, e não devo me sentir envergonhada de expor o que sinto ser certo, pois o mundo já esta cheio de propaganda superficial e ninguém precisa mais disso. Prefiro a verdade e a que me julguem pelo que sou e não pelo que não sou.

4 - Que não se pode julgar absolutamente ninguém, pois somos todos projetos inconclusos do inicio da nossa existência até o final dela. O que pensamos aos cinco, aos 15, aos 20, 25 e aos 70, varia constantemente: amadurece. Então, se todo ser humano está em transformação,  a quem de nós caberia o papel de julgar o outro, se nós mesmos não sabemos se iremos mudar de ideia amanha!?
Por isso busco nas pessoas apenas a base de caráter e bondade, e ainda assim não julgo sequer os maus, pois apenas a Deus cabe o poder de definir isso.
5 - Que um segundo de vida pode mudar tudo para sempre! O segundo exato do nascimento de um filho, o segundo exato em que recebemos a noticia da morte de nossos pais, o segundo em que conhecemos alguém que nos devolve a esperança, o segundo em que sofremos um acidente, o segundo em que chegamos a um entendimento...
Tomamos várias decisões por segundo, e somos responsáveis por cada uma delas.
Por isso não comemoro a vida um dia por ano, mas sim cada segundo por dia.

6 - Que não devo ser imediatista, pois a felicidade esta na construção e essa depende de infinitos segundos. Em menos de um quarto de vida recolhi muitas pedras pelo caminho. Não permiti que nenhuma delas me impedisse de seguir caminhando, ainda que algumas tenham me feito tropeçar.  Utilizei todas elas para construir quem sou hoje, e a construção foi tão grande que se fez externa através do meu trabalho e das amizades verdadeiras que conquistei.
7 - Que não devemos negar o bem sempre que estiver no poder da nossa mão faze-lo, mas não devemos esperar nada em troca das pessoas por isso.
Adão e Eva foram ingratos a Deus, e esperar que todas as pessoas que ajudamos nos devolvam com gratidão seria acreditar sermos superior a Ele o que seria insanidade.
Devemos investir nos valores reais e fazer o bem sempre, porque é uma pratica. A vida é justa, sempre devolve a cada um aquilo que ele oferece! Ajude todos hoje, e um dia, alguém que hoje você talvez ainda nem conheça, reconhecerá a luz que há em ti e devolvera no momento em que mais precisar. Não há investimento de melhor retorno na vida do que a bondade
8 - Aprendi a buscar o sentido por trás de todas as coisas, e gastar minha energia de vida apenas com o que faça sentido.
9 - Aprendi que não vou conseguir mudar o mundo, e nem devo desejar isso, pois esta no poder apenas de Deus. Porém sou responsável por tudo o que inspiro ao meu redor e por isso devo fazer a minha parte. Então o que posso fazer é me oferecer como ferramenta e em troca Ele me dá a sabedoria necessária para tomar boas decisões.
10 - Muito cedo aprendi quanto valem minha vida e integridade, pois já tive que lutar por elas... Por esse motivo, não me permito sentir usada. Meu corpo só se dispõe quando o espirito se dispõe.  Não importa se durará uma noite, um mês, ou uma vida, preciso apreciar e ser apreciada quando sou tocada. A única forma de não sofrer desilusão é não me entregar a ilusões. Eu mereço ser amada, e este é o valor que dou a mim mesma.



 
 
 

 
 

Compartilhar
Sandra Bronzina
25/05/2017

  • 0 comentários
  • 97 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados