MINHA CRUZ

Desde que saí de casa eu carrego a minha cruz,

Indo aos confins da terra por Jesus.

compartilhando do sofrimento do meu Senhor.

proclamando o evangelho com lágrimas nos olhos

muitas vezes sob vento e chuva.

Lágrimas correram pelo meu rosto

há grande peso em meu coração.

Mas o amor de Jesus me guia.

Seu amor e sua graça me encorajam

E me sustentam a cada dia.

Por isso minha cruz será

sempre mais leve do que

aquela que um dia Ele carregou por mim.

MARCOS AURELIO CUNHA
© Todos os direitos reservados