Amar Alguém

Se os meus olhos não me enxergam,
Como posso avistar alguém.
Se os meus braços não me defendem,
Como posso acolher outrem.
Se as minhas pernas não me suportam,
Como posso correr ao encontro dos que de longe vêm.
Se não me respeito,
Se não me amo,
Como posso respeitar
E amar alguém.
Se evito o espelho,
fujo de mim,
O que fará o oleiro
Enfim.

Obra registrada. Protegida pela Lei de Direitos Autorais 9610.
Conheça mais sobre as obras do autor Ricardo Ohara:
www.agbook.com.br
www.clubedeautores.com.br

São Gonçalo - RJ