Sorte.

 Eita que vento gostoso, belo e garboso,

 Que sopra minha vida pra pertinho de tí.

 Eita que tempo atraente que anima a gente,

 Que me faz sorrir.

 Eita que amor sem igual,

 Que me torna um ser genial.

 Eita que sorte grande, em tê-la assim

 Que eleva meu ego.