Toda Confiança

Algumas vezes não me sinto 

Não me sinto como deveria

Não me sinto princesa

Não me sinto rainha

Não me sinto humana

Algumas vezes

Singelas vezes

Queria fazer o oposto

Aprender a desconfiar

E engolir meu vicio insano

De confiar cegamente

E acabar por ferir-me

Queria poder controlar me querer.

 

 

Alana Lima
© Todos os direitos reservados