Nada é em vão

Nada é em vão

 
Por que o vento me deixa assim,
linda, leve e solta como andorinha.
Sei exatamente onde é meu jardim,
planto nele o dom de ser boazinha.
 
Viver pode ser bem descomplicado
é só ter a certeza que tudo está além
do viver, que ainda poderá ser explorado
sendo otimista da vida, e não um refém.
 
Desligo o botão dos maus pensamentos
quero me fixar, na terra e neste chão
e deixar meu coração bater sem lamentos.
 
Para tudo tem a hora certa de desistir
lembro que nesse mundo nada é em vão
Com humildade, o jeito certo de seguir.

 
Lucélia Lima

Lucélia Lima
© Todos os direitos reservados