Site de Poesias

Menu

Recebendo e doando.

 Não há o que pedir e somente agradecer,

Não podemos doar na espera de receber,

Tem de ser expontâneo, um dador voluntário

Para nunca vir a perecer e não perceber

o quanto o outro nos aguarda, nos intimida

com o olhar profundo, tão profundo como um mar solitário.

Compartilhar
EUNICE FERNANDES
06/05/2015

  • 0 comentários
  • 44 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados