Site de Poesias

Menu

EMENDA

Um poema pequeno,
Mas assim nem tanto,
Em vosso mar eu remo,
Em vossa terra eu planto.
 
Um verso ou dois
É tudo o que possuo,
Para vos dar depois
Do coração em duo.
 
Meu coração virou dois:
Cada voz recita um verso,
Sabei, por quem sois!
A emenda dele é o que peço.

Compartilhar
Lucilla Guedes
24/12/2014

  • 5 comentários
  • 198 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados