Site de Poesias

Menu

QUANTAS VEZES ME VEJO PERDIDO EM TEU CORPO

Quantas vezes me vejo perdido em teu corpo,
Pois tudo em ti causa-me prazer.
Quando tu te expões eu não escapo.
E deixo-me levar até onde, não sei dizer!
 
Tu querendo sempre mais,
Leva-me à loucura total,
E dominado por teus ais
Vamos muito além do normal.
 
Damo-nos com tanto prazer,
Que mesmo cansado,
Ressurjo das cinzas pra ti ter,
Até tombarmos lado a lado.
 
Tu com tuas fantasias atendidas,
Entrega-te a um sono reparador
E eu indago, ate quando ó vida?
O que nos move excitação ou amor?
 
Se eu durmo e contigo e sonho,
Quando acordo tudo recomeça
E agora sem loucuras e mais carinho,
Tu te entregas e deixamos que aconteça.

Compartilhar

O que se leva da vida são os bons momentos vividos, o que foi ruim vai pra lixeira até ser deletado Ser feliz não é um todo, é aquele momento que nos tocou causando arrepios deixando-nos com vontade de querer mais. Num amanhecer já bem quente.

Ubirajara Fernandes
11/12/2014