Dimensão Oscular

Saborear o néctar do teu beijo

É transformar cuspe em esperma,
Lábios juntos são quatro pernas
Que se colam na linha do desejo...
 
Línguas são membros enrijecidos
Que soltam faíscas em combustão,
Orgasmo facial com volúpia e tesão
Que acaricia cios maviosos e atrevidos...
 
No céu da boca consome-se a dose
Do coito que é vitamina e overdose
Na relação que estremece os ventos...
 
Os dentes mastigam carinho e prazer
Enfeitiçados num romântico atelier
Em que o amor se multiplica aos centos!
 
 
 

Ivan de Oliveira Melo
© Todos os direitos reservados