Site de Poesias

Menu

Glória-da-manhã

Eu andei e andei;
Mudei as estações de lugar;
Plantei Ipoméias por toda a cerca do seu jardim;
Flores se abrem ao cair da tarde sob as sombras;
Nem sempre são arco-íris;
E logo ao amanhecer fecham-se;
Do lado de fora na sua esquina;
Batem à minha porta borboletas;
Na chuva torrencial;
Antes que o dia se acabe;

Quando o sol se põe no paraíso.

Compartilhar
Ben Elliot
30/09/2014

  • 0 comentários
  • 47 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados