Site de Poesias

Menu

ÚLTIMO COMBATE.

- ÚLTIMO COMBATE.
Quando a Indesejada dos Vivos me buscar...
O dia do nosso  primeiro e último encontro.
Quero ter a serena coragem , e  estar pronto...
Qual  guerreiro aguardando a hora de lutar!

Que a batalha seja única,curta, dure pouco,
Não prolongar o sofrer  da batalha perdida...
Num tempo mais curto que minha feliz vida,
Só as lágrimas rituais . Não clamar tampouco

Maldizendo a sorte! Já que a morte é certa,
Enfrentarei médicos apressados,apoio cansado,
O pior dragão:o governo ladrão e despreparado...
O meu corpo (espero) sedado mas a alma aberta:   

Gritará:-Pai (Que  vivias severo  me cobrando!)

 Seu filho sofre muito,mas não está chorando!
 
Pedro Paulo da Gama Bentes – 2014/04/12


 
 

Compartilhar
Pedro Paulo da Gama Bentes
13/04/2014

  • 1 comentário
  • 283 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados