Site de Poesias

Menu
Cid Rodrigues Rubelita

Cid Rodrigues Rubelita

Sou mineiro de Rubelita

e de mente, alma, ossada e coração;

no alinhavo de minha vida,

tenho a linda Curitiba, por opção.

E se não fosse a indagação

que faço do mundo, constantemente,

talvez tal Fernando Pessoa, então,

eu seria um ser, na plenitude, contente.

Embora me atordoem de insônia,

a humanidade e suas incógnitas,

ainda assim, tenho-me como admirador

da vida e de seu intervalo: a morte lógica;

e dos novelos sem fio: as crônicas

que homens e mulheres engendram no amor.

Ainda não descobri com clareza

por que escrevo poesias:

se é para suplantar do mundo as tristezas,

se é para libertar de mim as alegrias;

ou será labor interminável

no afã de entender tantas incongruências

que há neste universo indecifrável?

não seria meio inócuo de sanar minhas carências?

Poesias de Cid Rodrigues Rubelita

Título Data Com. Vis.
Alteza 08/08/2017 1 39
Furta-cor 27/03/2017 1 83
Bicho da seda 27/02/2017 0 44
Prece 26/02/2017 0 34
Transitoriedade 26/02/2017 0 29
Hoje não é um dia qualquer 26/02/2017 0 44
Contentamento 31/08/2016 0 154
Para esse tal amor 27/08/2016 0 69
Sol e lua 18/08/2016 0 109
Quando você chegar... 13/07/2016 1 179
Todo Santo Dia 04/07/2016 0 149
Deus é bom o tempo todo 03/07/2016 0 101
Éden 03/07/2016 0 58
Sintonia 28/06/2016 0 65
Aura 26/06/2016 0 66
Não há mais tempo para o medo. 21/06/2016 0 77
Para quando tu voltares 21/06/2016 0 62
Bolhas de sabão 18/06/2016 0 93
Sejamos felizes! 18/06/2016 0 80
Tablado de barbante 17/06/2016 0 50