Site de Poesias

Menu

Maria Gabriela Costa de Miranda

Nasci em 1982.
Não tenho livros publicados, não tenho a pretensão peculiar de um escritor pronto para ser descoberto, possuo apenas vontades, sentimentos guardados que não cabem em mim, transbordam, em forma de palavras sinceras advindas de um simples coração, que na sua forma reduntante de ser, músculo involuntário, pulsa sem parar, sem querer.

Poesias de Maria Gabriela Costa de Miranda

Título Data Com. Vis.
Estava enganada 28/06/2005 0 77
A Paixão 23/06/2005 0 127
Amor 22/06/2005 3 104
Explicações 12/06/2005 0 107
Dia dos namorados 12/06/2005 1 98