Site de Poesias

Menu

Camila de Araujo Lopes

Bom, só me conhecendo para descobrir este mistério, que até hoje eu tento desvendar, se quiser me ajudar vou aceitar de bom grado tal ajuda.

  • "“A minha vida parece à noite escura e nublada. Você não enxerga nada, você não sabe o que faz e tudo e todas as coisas são infinitas”."

Poesias de Camila de Araujo Lopes

Título Data Com. Vis.
Por que não dormir para todo o sempre? 21/11/2008 0 249
Um minuto de silêncio 26/06/2008 1 1348
Uma questão inevitável 26/06/2008 0 443
Esboço dum amor imaginário 23/06/2008 2 1712
Tímida Paixão 19/06/2008 0 863
Era uma vez um sonho 19/06/2008 0 200
A Mensageira 19/06/2008 0 402
Vingança desfavorável 18/06/2008 1 3144