Site de Poesias

Menu

Chegue-se a rosa sem medo dos espinhos.

 

 

Um novo ano se aproxima e todas as pessoas se preocupam em transmitir votos de dádivas e bonança para os seus.

Eu venho lhes pedir que aproveitem o momento para nascer de novo, voltarem em sua alma a serem como uma criança.

A criança nasce sem conceitos pré-estabelecidos sobre beleza, verdade, honestidade, cor de pele, riqueza, etc.

A principio toda criança só vê amor e beleza em tudo que a rodeia.

Faça uma experiência este ano, acorrente seus conceitos pré-concebidos e volte a se relacionar com todos como faz uma criança.

Assim como as quedas e machucados não removem da criança o desejo de andar; Não faça com que seu medo dos espinhos lhe impeça de usufruir da beleza e perfume de uma rosa.

 

“... em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus”. Mt 18.3

Compartilhar
JOSLU
24/12/2013