Site de Poesias

Menu

ELIANA- POSSÍVEL VISE-PRESIDENTE DO BRASIL

[Ilustração não carregada]

 Sou loira, mas não sou burra.

 
VOTE EM MIM
Prometo mudar essa terra
Vou construir mais funerária
Caixões de diversas cores
De tamanhos e cadeados
Para deputados
Bem safados
 
Abrirei mais postos de saúde
Com médicos do exterior
Chamarei Bin lande cardiologista
E Saddam anestesista
Para deputados golpistas
 
Construirei nossa torre gêmea
No palácio do planalto
Em Brasília capital
Na cidade dos animais
Quando a bomba explodir
Só sangue ruim vai sair
 
VOTE EM MIM
Na praça três poderes
Em Brasília capital
Abrirei mais cemitérios
Contratarei mais coveiros
Para todos os deputados
Que roubaram nosso dinheiro
 
 
VOTE EM MIM
Construirei mais presídios
Para todos mensalão
Com portas de ferro de choque
Bem no meio do coração
 
VOTE EM MIM
Para todos os deputados
Senadores dos estados
Comerá só um marmitex
Na semana de finado
Já morto enterrado
 
VOTE EM MIM 
Declararei um mês de férias
Para todos brasileiros
Quando estes miseráveis morrer
Nem vela vamos aceder
Nem o padre a missa vai rezar
Vou mandar o vigário pra o vaticano
Visitar o seu Hermano
 E as igrejas todas vão fechar
Que suas almas podem penar
Em pé e nu vão ser enterrado
Que as roupas são do estado
Só não mando queima-los
Porque vai ficar muito caro
Esses ladrões ordinários
E o fósforo não vou gastar
Nesses presuntos duros e frios
Nesses putos que pariu
 
 
 
 
 
 
Se a Dilma não gostou?
Vem pra cacimba tomar
Nem água vai encontrar
As mimosas morreram de sede
E essa vagabunda deitada na rede
Usando calcinha de marca
E dando Celinho no Barack Obama
Essa Dilma é uma malandra
 
 
VOTE EM MIM
Que não vai se arrepender
Prometo mudar o Brasil
  Pra você
 
Sou loira, mas não sou burra.
Sou nordestina dureza
Prometo vou colocar todos
As cabeças na bandeja
 
Eliana-futura presidente do Brasil
Melhor que eu não existe
Sou loira de de salvador
E nada de kkkkkkk
Vou me candidatar a presidente
E vou deixar esse Brasil
    Contente
 
Sorria... Sorria... Brasil
 
A loira vai ganha
E nessa cadeira vou me sentar
E a Dilma vai vazar
 
 
17/12/2013
Eliane Miller
 
 
 
 
 

Compartilhar

Obrigado pelo *carinho* da visita ao sair deixe.
comentário ou uma simples critica.

Poetisa Desconhecida
19/12/2013

  • 4 comentários
  • 118 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados