Site de Poesias


SOU ASSIM...



SOU ASSIM

MEIO SEM JEITO.

DOCE,

CALMA,

DENGOSA.

AH ! MAS SE PRECISO FOR...

TRANSFORMO-ME,

SOU FERMENTO.

ME ESPARRAMO

NA TIGELA.

EXPLODO!!!

SOU SEU TORMENTO.

 

Manhã de chuva em Itanhaém.Doce e calma como eu...kkkk

17/05/2013

Compartilhar
Maria Isabel Sartorio Santos
17/05/2013

  • 2 comentários
  • 202 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados