Site de Poesias

Menu

Comentários da Poesia "pra não dizer que não falei das flores...", de BRUNO

ATENÇÃO: Os comentários aqui registrados não representam a opinião da equipe do Site de Poesias, nem mesmo recebem o seu aval. A responsabilidade pelo conteúdo dos comentários é inteiramente do autor dos mesmos. Ao poeta é reservado o direito de remover os comentários de seus poemas, quando achar por bem fazê-lo.


No meu comentário abaixo, onde está: arreado considerar: arretado.

Virado na zorra.

Falha nossa.

Nóis é baiano.

Bruno Arretado;

Isto é que é: Vômito da Alma.

Vômito do que estava entalado na garganta do genial poeta.

Carioca arreado.

Merece:

HUMANA POESIA (Papa-Jaca)

Às vezes componho poesias
Insuportáveis
Vômitos da minha alma.

Minha poesia
Reflete de fato
Minha inconstância humana.

Quando estou bem
Componho
Quando estou mal
Vomito.

Bruno Poeta e amigo que eu aprendi a admirar,
não se cale, voce tem toda razão quando diz
que não podemos fingir que o mundo está
cor de rosa, e tudo são flores, é obvio que não é assim;
Mas veja, voce está fazendo sua parte, é pouco?
sim é, talvez voce sozinho não tenha a força necessária
para lidar com tanta podridão, mas (todos) juntos somos fortes.
Enxergamos e sentimos a decadência da familia, onde
aqueles que deveriam zelar pelos seus filhos, torturam,
estupram e matam,
Ao meu ver tudo se inicia ai, não podemos cobrar do mundo
aquilo que por incapacidade não temos num lar.
Alias temos hoje muitas casas e poucos lares.
Se os pais são espelhos para os filhos que tipo de referência eles tem, quando enxergam suas mães se exibindo na web para "amigos virtuais" com a desculpa de um casamento em crise?
Que tipo de moral é colocada numa casa onde a mãe esquece sua função de "mãe" e adota um perfil de "periguete", onde o pai deixa como "herança" o maldito
"trabalho" de ladrão, assassino, estrupador, traficante e por ai vai.
Enfim poeta, eu acredito que só teremos futuro se investirmos na restruturação da familia, porque é dai, que teremos pessoas dignas de serem denominadas cidadãos, caso contrário continuaremos como estamos, cada um a sua maneira contribuindo para jogar todo tipo de escremento na
"sociedade" e depois lamentarmos a morte violenta dos jovens que poeticamente se diz "Futuro da Nação."

Abraços,
Hinah

Cara poeta também quero deixar registrada aqui a minha indignação com este tipo de musica que de arte não tem nada. Hoje em dia temos mais liberdade, uma liberdade que não tínhamos há algumas décadas atrás. Podemos ouvir musicas sem medo e sem censura. Mas será que as pessoas sabem lidar com a tal “Liberdade”? Ou melhor, muitos sabem dizer dos Direitos que se tem, mais e os deveres? Dentro desse contexto, reparei que sempre os que não respeitam os direitos dos demais, são os adoradores de “musica” da moda. Porem a moda agora é um ritmo de musica, ou estilo, sei lá como se trata isso, chamado Funk. Essa porcaria de funk, onde se têm batidas repetidas com toques eletrônicos que irritam e letras sem noção, muitas letras falam de putaria, de crime e o pior até apologia á pedofilia. Para Jean-Jacques Rousseau “todo homem é bom por natureza, é a sociedade que o corrompe”, não concordo muito com o pensamento dele, afinal a sociedade é feita pelos homens, e é essa sociedade que corrompeu o Funk então? A Própria sociedade Funkeira corrompeu o que poderia ser bom um dia? Ou melhor, os funkeiros nascem bons, é a Sociedade funkeira que os fazem serem assim, criminosos? Siga em frente meu amigo, não desista, vamos continuar lutando contra esta estado de coisas que, porque se ficarmos calados tudo vai piorar. Parabéns pelo corajoso e arrojado texto.

J.A.Botacini.

Zezinho.

Disponível, também para os meus milhares de contatos do Facebook!
Escreveu? Agora aguenta!

Isso é serviço, poeta!

De minha parte postei
esse seu texto no meu
Blogue:

http://ronaldorhusso.blogspot.com.br/2013/03/pra-nao-dizer-que-nao-falei-das-flores.html#links

Se foi a última postagem vai
soar como uma pedra atirada
em uma vidraça mais o som
dos passos rápidos em correria
daquele que a atirou!

Cada linha escrita está corretíssima!

Eu mesmo gostaria de ter escrito
um texto assim e pode ser que
já tenha escrito e postado por aí
na grande rede!

O que precisamnos, como formadores
de opinião, é tomar vergonha na cara
e arregaçarmos as mangas a fim de
dar um basta nessa podridão!

Não existe Teoria da Conspiração!

Existe, sim, uma Conspiração que
já não assusta mais a sociedade!

Estão amortecidos e ocupados em
apertar os botões dos controles
remotos de suas TVs enormes,
a fim de aprenderem a cada dia
o que devem pensar, comer, vestir
(ou nem vestir, pois é uma façanha
aplaudida estar com a genitália
desimpedida de ser desfrutada
como se fosse lixo desfrutável),
beber...

Querido, nosso Brasil está
dominado pelo Diabo e as
pessoas teem pudor em falar
isso, pois creem que falar acerca
disso é demodê e ridículo, já
que o mundo novo não crê mais
nessa bobagem como faziam
na Idade Média!

Para mim o maior golpe de
Satanás foi conseguir que as
pessoas não acreditem em
sua miserável existência!

Jesus está voltando!

Queiram ou não!
Estejam preparados ou não!

A Nova Ordem Mundial é fato
e também é profética, visto
que já estava escrito que o
Oitavo Rei lideraria essa
catátofre em seu final!

O Amargedom é o território
da mente!

Esse é o verdadeiro Campo de
Megido (de batalha).

Enquanto não se toma a
providência mais sábia que é
entregar a mente para os
reclames do Espírito Santo
(Esse é outro que está desacreditado
e já espalham entre os professos
Cristãos que não é D'us e que
nem, sequer, existe).

Senadores não darão jeito!

Está tudo dominado!

Você escolhe quem vai
comandar a sua mente!

Grite, amigo!
Não se renda!

Divulgue em Blogues
e onde mais lhe der
espaço!

Não pare!

Amadureceu?

Então alimente os incautos,
ou apodreça!

Shalom desde Sião!

Vivemos num “frenesi” todos os dias, somos escravos da “tirania do urgente” e nem sempre o urgente é nossa prioridade. As prioridades tornam-se mais importantes quando precisamos fazer escolhas. Se tivéssemos tempo suficiente para fazer opções, tudo seria prioridade, mas nosso tempo é limitado.
Os relacionamentos deveriam receber o valor elevado na nossa escala de prioridades.
A maioria das famílias não tem mais tempo para EDUCAR e se relacionar com seus filhos e terceirizam esta função fundamental, e as conseqüências e a sociedade que vivemos.
Parabéns pelo seu texto.
Graça e paz.
Madalena

Voltar à poesia