Site de Poesias

Menu

Eroctika

[Ilustração não carregada]


tenho pouco a falar e muito a sentir
nessas antíteses da vida eu me sinto erótica
eu me sinto o doce no amargo , eu cito:
tuas mãos macias e teu falo duro
e depois do gozo ainda dorme
sobre mim, a cabeça no meu seio
em vida, você quer morrer assim
que ócio impetuoso e proveitoso
agora preciso aprender a encontrar
pontos pretos no teto branco
meu amor, quero manter isso tudo e mais nada ...

Compartilhar

Obgd por me ler!

Elisa Gasparini
10/10/2012

  • 5 comentários
  • 635 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados