Site de Poesias


QUASE AMOR


São presas
Assustadas
Indefesas
Prostradas
 
São almas
Atormentadas
Sem calma
Humilhadas
 
São vidas
Sem perfume
Perdidas
 
São amantes
Que o ciúme
Os faz distantes

Compartilhar
sergio néspoli
04/05/2012