Site de Poesias


O CARINHO

O CARINHO

                        Autor : Zé Gaiola

Diversas coisas na vida,

não se pode dispensar.

Depende do modo de pensar

e qual postura, inspirar.

 

Em todas as participações,

existe o relacionamento, estético.

Não é preciso, mudar as intenções,

apenas ser sereno e patético.

 

O que é melhor, dar ou receber ?

Ele é bom de qualquer jeito,

desde que se faça com respeito.

Dando de coração o bem querer.

 

As palavras, não terão avaliação,

se na prática não for exercida,

o que vem de dentro do coração,

caso contrário, ficará esquecida.

 

Não existe amor, sem carinho.

Sem ele, não tem cabimento.

Pode até ser fingimento,

mas, poderá haver o desencanto.

 

Muitas pessoas, não dão valor,

quando recebem com simpatia,

um carinho, com muito calor,

por isso, não deve ter apatia.

 

O carinho é necessário,

para manter uma união,

de dois entes, temerário,

fazendo vibrar o coração.

 

Até os animais selvagens,

dão lição de comportamento.

Podemos conferir nas imagens,

em filmes que são documento.

 

Ninguém pode duvidar,

do valor, que tem o carinho.

Quando vamos nos encontrar,

brindar, com um beijinho.

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar
José Luiz de Almeida (Zé Gaiola)
06/08/2011

  • 5 comentários
  • 973 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados