Site de Poesias

Menu

Meus 40

Talvez quando chegar aos 40 terei nostalgia,
Sonharei com o amor que não tenho ainda,
Sonharei com a paixão que deixei presa, no tempo,
Buscarei viver as loucuras que não vivi,
Talvez por medo ou falta de coragem.
Sinto cada vez mais presente o medo de viver,
Viver assusta.
Sinto ausente o sonho a se realizar,
Tenho uma vida que me surpreende,
Sonho com as surpresas.
Se bem que eu gostaria mesmo
Que tudo fosse agora.
De me entregar ao amor sem regras,
À paixão enlouquecedora,
Dormir e acordar várias vezes na noite,
Escutar uma música que me faz lembrar,
Ficar com as pernas bambas,
Escutar o coração bater mais forte,
Sentir a saliva secar,
Esconder-me na rua para o meu
Amor não me ver passar
Com aquela camisa que não gosto.
Colocar as fotos mais bonitas no Orkut,
Só para chamar atenção,
Colocar os melhores textos no meu perfil,
E me sair como inteligente.
Ah! Meus 40 anos, que vocês não cheguem agora.
Quando vocês chegarem, me entregarei novamente,
Sentirei o coração pulsar com mais força,
Terei menos medo e mais coragem,
Já não chamarei tanta atenção,
Mais ainda terei um coração,
E pronto, pronto pro amor que ainda
Não chegou.

Compartilhar
Ricardo Nascimento
14/03/2011

  • 0 comentários
  • 47 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados