Site de Poesias


ALMA ILUMINADA

ALMA ILUMINADA
 
 
Alma iluminada que me conduz à veleidade,
Lapidar deusa que estua meu grácil coração,
Fascina-me com esta sua lírica graciosidade,
Santuário da beleza, arquétipo da perfeição.
 
Meiga voz, quando fala o faz em suavidade,
Neste jeito de menina... a minha admiração,
Faz do belo a sua residência na eternidade
E do nosso amor a mais alta condecoração.
 
Encanto somático cinzelado na simplicidade,
Quis a Natureza lhe oferendar com precisão,
Elo dos deuses sem nunca atingir a vaidade,
 
Quando a vejo... sentimentos em procissão.
Horizonte da formosura, vista da santidade,
Esta é minh’amada, fruto da minha paixão!
 
Rivadávia Leite

Compartilhar
Rivadávia Leite
23/06/2010