Site de Poesias


E agora?

 
 
 
Meu coração,
diga-me agora o que posso fazer
Se eu a satisfaço ou faço teu prazer
Se ela suplica distância e você conviver...
 
Meu coração,
só posso te pedir pra não amargar
nem chorar, afinal é melhor te mutilar
do que fazê-la me odiar!
 
Mas como posso ser feliz
nessa contramão
entre o seu e o desejo dela?
 
Agora o que você me diz
pobre coração,
que de saudade morre, chora e se desmantela?

Compartilhar
Pedro Aldair
17/02/2009