Site de Poesias

Menu

Para todo o sempre

[Ilustração não carregada]

 
(Célia de Lima)

Mostra-me sempre,
para todo o sempre,
o caminho da esperança,
nos trilhos dos Teus planos.
 
Mostra-me, em mim,
a força que se propaga
de tudo que eu aprendi,
de tudo que eu já senti
no correr dos anos.
 
Mostra-me, a mim,
nos meus olhos,
no pranto leve, manso
que eu devo a Ti,
e me asserena.
 
Em tudo,
mostra-Te a mim.
 
E quando eu voltar ao começo,
mostra-me o que é preciso,
dá-me só o que é preciso,
faz a mim o que é preciso,
e eu vou além dos meus sonhos.
 

Compartilhar

A foto pertence a daclownfish, e tem alguns direitos reservados.
http://www.flickr.com/pho...

Célia de Lima
16/12/2009