Site de Poesias


BEIJA BEIJA FLOR

BEIJA BEIJA FLOR

BEIJA BEIJA-FLOR
 
Se o beija flor te falasse o que eu queria te dizer.
Falaria somente do meu amor! O que tenho por ti.
Dia frio! Dia cinza! Sem você por perto no aberto.
Reservo-lhe meu momento! Quero você aqui.
 
Quero! Quero sim!  Aqui comigo, dentro de mim.
Somente assim!  Sem mascara e sem amarras.
Sem barras e ameaças! Apenas venha assim.
Quero-te para fazer meus versos! Quero-te.
 
Se um pássaro sobrevoar teu universo.
Sou eu que te rondo pelas palavras infinitas.
Entrelinhas escritas! Escritas na primavera.
Aquarelas de cores variadas! Alternadas.
 
Musicalidade inversa nos meus sonhos.
Irreverente e sutil eu te procuro aqui.
Eu sei que habitas no mundo! Mas eu te acho.
Suponho e permito que preencha meu vazio.
 
Jogo ao mar meus sentimentos! Os que eu tenho.
Espero que ao contemplar as águas veja essa miragem.
Viagem  e razão! Horas pensadas e refletidas.
Isso é minha vantagem! Acordo pensando em você.
 
Escuto os sons da vida! Mas penso no que fazer.
Reabilito prosas para te oferecer nesse dia.
Faço-lhe versos com o meu próprio tom.
As rosas estão florescendo no meu jardim.
 
Durmo na sua noite! Ah! Quem me dera.
Estar contigo agora quando faço esses versos.
Quem me dera! Quem me dera estar por ai.
Sou esse pássaro que canta no seu amanhecer.
 
Beija! Beija- flor que vem beijar sua  flor.
Canta! Canta sabiá! Espia e vem pra cá.
Voa! Voa no meu jardim que agora tem flor..
Faça-me ninho! Faça-me jardim assim.
 
Soraia

Compartilhar

Beija beija flor,
voe para além do mar.
Vai buscar quem ousar me amar. na minha flor

Ciganita
23/09/2009