Site de Poesias


Não é nada é só tristeza mesmo...

Não é nada,
é só uma dor que não passa,
uma ferida que não se fecha,
um mal para o qual não há cura,
não é nada além dessas coisas,
ligadas às dores de falsos amores.

Não é nada, é só a solidão,
fazendo morada em um coração,
vazio e cansado,
sempre machucado

Não é nada, eu garanto,
é só desilusão, desencanto,
fazendo rolar o pranto,
encharcando a alma,
errante, errada, desvairada.

Não é nada, não se preocupe,
é só um pesadelo sem fim,
que tomou conta de mim...

 

Compartilhar
Sandra Ribeiro
26/06/2009