Site de Poesias

Menu

prélio

                                                        prélio
                                        um adeus sem festa
                                sequer ter ouvido um gemido
                                         o pior  de te perder
                                             foi não ter vivido

                                       um defensor paladino
                                           árdego e arteiro
                                            silente destino
                                              um guerreiro

                                     prélio do desejo e razão
                            toques que não tive,saudades...
                             seguro, me esconde o coração
                               que no olhar liberta a verdade
 

Compartilhar
Iracema Albuquerque
29/04/2008

  • 0 comentários
  • 145 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados