Site de Poesias


Minha casa

Minha casa!
 
Quando partir desta terra
Chegando lá vou fazer
Aminha eterna morada
Com eu gostaria de ter..
 
Será uma casa branca
Bem pequena e simpática
Terá duas janelas e uma porta
E será cor de rosa prata.
 
Jardineiras nas janelas
Com flores bem miudinhas
A entrada será de flores azuis
A paredes serão branquinhas
 
No jardim cultivo rosas
Todas de cor variadas
lá tera um  portão
Mas será livre a entrada
 
O telhado será de mel
Onde as abelhas morarão
Terá muito chocolate
Espalhados pelo chão
 
Terá uma campainha
Para as visitas tocar
A música será a Ave Maria
Para a mãe de Deus saudar.!
 
Lá será tudo luminoso
Onde eu pretendo morar
Convido a todos vocês
Para irem me visitar!
 
RMMA
 
 
Querem ir?
 

Compartilhar

É assim que gostaria de ter uma casa, se não posso aqui terei lá! Na minha varanda olhando o mar.

Rita Maria Medeiros de Almeida
20/11/2007

  • 2 comentários
  • 2766 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados