Site de Poesias


rodas dágua

rodas dágua

Rodas dágua
Movem moinhos,
Não moem os sonhos,
O trigo e o milho.
Onde você quiser ir,
Nunca vá sozinho,
Traga pertinho do coração,
Um amigo.
Não andeis estradas em vão,
Feche comigo teu amigo,
A água é amiga da roda,
Que nunca gira só.
  

       

Compartilhar

Obrigado pelo carinho da visita ao sair deixe um comentário ou uma simples critica.

Jose Aparecido Botacini
31/07/2007