Site de Poesias

Menu

Eu te espero

 
De que adianta mudar de amor
Se com ele vem uma nova dor
São tantas meias verdades
Que fazem parte da minha realidade

Realidade que se torna fantasia
E as escrevo em forma de poesia

Como um coração tão puro
Pode ser tantas vezes enganado
E tantas vezes ignorado
Será este o meu futuro?

Falta tanta coisa na minha vida
Que passa desapercebida
Falta tanta coisa para eu crescer
Que vejo que muito irei sofrer...

Muitos amores virão?
Mas como aguentará esse coração?

E que o amor bata logo à minha porta
Não quero  ser uma senhora

Desejo desfrutar cada minuto
Que o mundo conheça o poder do meu amor 
Num único segundo

Que o novo dono desse meu amor
Conheça nos meus beijos o tremor
Que sintas mais que ninguém que será amado
Seu corpo inteiro desejado
Suas confissões ouvidas
Seus carinhos retribuídos
Nossos planos vividos
Nossas vidas escritas

E que o nosso amor nos leve à loucura
Mas que contenha a mais doce brandura

Só posso dizer-te que eu te quero
Mesmo não sabendo que és
Eu te espero...

Compartilhar

Na faculdade....
21:37

Jaque Barbate
26/04/2007

  • 4 comentários
  • 340 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados