Site de Poesias


Ilusão

Só tu me fazes viajar na fantasia.
Paixão que se acende na distância,
Palavras balbuciadas, feridas,
Conversas infindáveis, sem nexo,
Tudo parece espantoso e irreal.

Vejo-te, falo-te, sinto-te: não és tu,
Serás o eco dos meus pensamentos.
Lá longe, na terra destinada
Esperas-me e eu, sigo-te…
Sem compreender bem porquê.

Que estranha forma de amar,
Sem regras, sem razão, sem tempo.
Deixo-me envolver neste ambiente
Misto de fascinação e loucura,
E perco-me na rota da ilusão.

Compartilhar

Lisboa

Estela Belém
31/05/2006