Site de Poesias

Menu

PAIXÃO D'AMOR

 
 
Trago flores e as ponho em teu regaço,
As pétalas são meu cântico duma paixão
Que já me perfurou a sensibilidade, então
Entrego a ti estes odores d’amor e cansaço.
 
Tulipas e orquídeas para junto a ti celebrar
Este sentimento que me rouba o sossego,
Pois não sou um qualquer, sou teu mancebo
E disposto estou a cruzar limites de além-mar.
 
Sinto em mim a volúpia do sincero querer-te,
É um cio que faz de mim amante meio louco,
Terra-nauta que colhe sementes do teu pejo...
 
Trago rosas e dálias para, enfim, oferecer-te,
Sei que meu jardim não é parco, é meio pouco,
Não obstante suficiente para receber teu beijo!
 
 

 
DE  Ivan de Oliveira Melo

Compartilhar
Ivan de Oliveira Melo
17/05/2018