Site de Poesias

Menu

QUANDO O AMOR ACABA

QUANDO O AMOR ACABA


Quando o amor acaba não há mais precisão

Uma lágrima chorada por ninguém agora cai
Somente lembranças marcantes continuarão

E dos olhos marejados todo o brilho se esvai


Quando se tem tempo, já não precisa pressa

Mas alguém sempre procura o desejado sinal

Da promessa do tempo que passou depressa

Acreditando, em vão, nesse amor consensual


Fica difícil acreditar que o eterno amor morreu

Este amor que deveria ter durado infinitamente

Desde o princípio se perdeu, não se percebeu 

Mas a vida continua e ela caminha para frente


Quando se acha que a dor nunca vai terminar

Ponderar que, cada dia que nasce é outro dia

Que nenhuma pessoa deve se auto depreciar 

Ter sabedoria para selecionar boa companhia


Marco Antônio Abreu Florentino


Poesia inspirada na clássica e linda canção dos Beatles ¨For no One¨, composta por Paul McCartney¨. A letra fala do amor de uma mulher que está se acabando e que o homem, não aceitando tal fato, alimenta a esperança de que ela desista dessa intenção. Revolucionária para a época (1966). os Beatles lideravam a famosa revolução dos costumes da década de sessenta, neste caso, incitando a liberdade e autonomia feminina. Infelizmente até hoje, comportamentos machistas e autoritários continuam em grande parte na nossa sociedade.

https://youtu.be/PtraAURLUM0

(For No One - Paul McCartney)

Compartilhar
Marco Antônio Abreu Florentino
08/02/2018