Site de Poesias

Menu

Ela se foi...

Sentiu que não cabia mais naquele pequeno lugar onde queria fazer morada.
 Que sua presença, seus sonhos, desejos estavam incomodando...
Que as limitações cresciam tanto a ponto de sufocar o ser amado.
 Queria está ali, espalhando seus sorrisos, sua conversa fácil e seu amor, mas estava causando dor.
Era algo que ela não podia suportar, sempre foi amor não poderia ser comparada a dor...
 E ela se foi, desejando não ir, mas sabia que era o correto a fazer, que deveria sair naquele momento.
Levando consigo apenas as lembranças dos momentos mágicos, as conversas e o melhor som do universo, deixando apenas textos e todo sentimento bom que desejou compartilhar...
Sentiu-se um pouco perdida sem saber o que fazer, para quem contar seus sonhos, seus desejos, as conversas com a lua e tantas outras coisas que só ele parecia entender...
Pediu a Deus que estivesse com ele a cada segundo, e não deixasse que ela se sentisse perdida, que fortalecesse seus passos e direcionasse sua vida para o caminho do amor, paz e harmonia.
Suspirou profundamente, abraçou todos que mesmo de maneira invisível estavam com ela sentiu-se amada...
Ela se foi, desejando ficar, mas não cabia mais ali, não poderia mais causar dor, era feita de amor, foi voar, conversar com a lua, caminhar com a brisa ao som dos pássaros, determinando passos firmes, pois sabia onde queria chegar... Ela se foi, mas em alguns detalhes em você sempre vai estar.

 
Namastê

Compartilhar
nuvem lilas
17/07/2017

  • 0 comentários
  • 18 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados