Site de Poesias

Menu

REFLEXÕES...

 

Efêmera vida

ontem engatinhava

Esposava sonhos

ignorava os reveses

 

Rindo dos desalentos

mitigando contraridades

Ri mais do que chorei, talvez,

em disfarces de lágrimas

 

Dores tantas em conta

das experiências

inexistentes em manuais

recompostas nas esperanças

 

Entre tristezas e alegrias

Deduções e conclusões

Aprendiz da caminhada

não incólume aos tombos...

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar
EDILOY A C FERRARO
04/06/2017