Site de Poesias


Doce ilusão

Quero um amor que me complete
Que divida, que ensine, que aprenda
Quero um amor companheiro
Cúmplice, amigo, querido

Que saiba quando ser eu, nós e quem sabe até vós
Paixão unida à razão
Emoção...

Quem sabe, um dia o encontre...
Também pode ser que não
Mas não posso deixar de sentir de novo,
ó minha doce ilusão

Compartilhar
Nadja Vasconcelos
23/04/2006