Site de Poesias

Menu

SORRISO D'ALMA

SORRISO D"ALMA

E o sono chega,
suspiro d'alma,
luz que se apaga,
vida que se acalma...
Meu olhar que afaga
o seu semblante,
seus olhos cor do mar,
rosto deslumbrante.
No prazer do sonhar
seu corpo deleita...
o sono dos anjos.
Um sono justo...
Talvez um pranto?
Talvez um susto?
Muito encanto?...
Ao acordar...
o seu sorriso foi tanto,
qual melodia de um canto,
que me fez chorar.

Oscar Barros –Julho 2015.


Compartilhar

BRASÍLIA (DF), 25 de Julho 2015

OSCAR BARROS
25/07/2015